quinta-feira, 13 de setembro de 2012

FEATURING: ALT-J


Antes tarde do que nunca! Demorou para eles aparecem por aqui, mas finalmente conhecemos estes meninos de Cambridge que usam apenas um atalho de computador Mac como nome da banda: Alt-J. Enquanto para nós o nome soa duvidoso, para a banda ele tem um significado especial: "Em equações matemáticos este símbolo é usado para indicar mudança. E o nome da banda veio em um momento decisivo em nossas vidas", conta o guitarrista/baixista Gwil Sainsbury.

Formado por Gwil, Joe Newman, Gus Unger-Hamilton e Thom Green, a banda Alt-J foi formada em 2007 quando ainda estavam na universidade na cidade de Leeds. O tempo de convivência e a intimidade proporcionaram um clima confortável e criativo para decidirem qual seria o rumo da banda. Durante os cinco anos de existência, foram atualizando suas redes com canções que iam compondo gradativamente, porém o diferencial estava na mistura de estilos.



Rompendo as barreiras das definições de gênero, o Alt-J mistura vocais em falsete, hip hop, elementos eletrônicos, guitarras melodiosas em uma atmosfera moderna e atemporal. Você pode olhá-los e pensar que são apenas mais uma banda indie enlatada que ouvimos por aí, mas além das produções geniosas, o destaque também fica por conta da videografia. Embalados pelo lançamento do álbum de estréia, intitulado An Awesome Wave, você verá desde uma briga doméstica até uma reunião no guetto. O primeiro clipe lançado "Breezeblocks", uma das canções mais divertidas de todo o disco, uma espécie de junção entre o Passion Pit e o Miike Snow.



O clipe seguinte foi "Tessellate" (veja acima), uma espécie de confraternização no guetto no melhor estilo "gangster" com direito a mulheres de top e mini-saia, dirigido por Ellis Bahl. O clima desta canção é denso, sério e possui pitadas de R&B e hip hop em sua produção. Já o mais recente single, lançado oficialmente ontem, é a canção "Fitzpleasure", canção indie pop deliciosa que evoca as mais belas inspirações na arte do belga Wim Delvoye. A direção deste clipe ficou para Guillaume Caignard.

Se mesmo assim você não ficou convencido da grandeza das músicas do Alt-J, aconselho ouvir o disco de estréia que está disponível na íntegra na página do Soundcloud da banda. Para quem gostou, aguarde que outras novidades sobre eles em breve!